terça-feira, 26 de junho de 2012

MPPB deve investigar falta de provas em concurso de Bayeux





O promotor Jonas Abrantes, que vai assumir o caso dos candidatos que ficaram sem provas durante um concurso público na cidade de Bayeux explicou aoG1, na segunda-feira (25), que assim que tiver informações formalizadas, deve instaurar um inquérito para investigar o caso.

O promotor disse ainda que vai esperar os candidatos prejudicados nesta terça-feira (26) para receber as denúncias e então avaliar a instauração de um inquérito civil público para a apuração dos fatos, para depois decidir se haverá algum tipo de recomendação ou possível anulação.
"Fiquei sabendo do acontecido mas ainda tenho poucas informações. Terei que analisar os dados para saber os próximos passos, mas nessas situações é comum a instalação de um inquérito civil público", explicou o Jonas Abrantes.
Candidatos reclamam de falta de provas em concursoAlguns candidatos ao cargo de Supervisor de Ensino do concurso da Prefeitura de Bayeux, na Grande João Pessoa, se sentiram prejudicados na manhã do domingo (24), durante a aplicação da prova. Isto porque, quando as provas foram entregues, seis candidatos ficaram sem provas.
Os candidatos presentes no local fizeram uma ata registrando a irregularidade no concurso e alguns ainda foram à delegacia prestar queixa do ocorrido. O delegado Manuel Neto, da 5ª Delegacia Distrital, em Bayeux, confirmou que o Boletim de Ocorrência foi feito no local.




Nenhum comentário:

Postar um comentário